30/01/2012

Revisão: Citroen C1 1.4HDi

Resultados da "crise": comprar o material e encontrar alguém que faça o trabalho de substituição.
O visitante de hoje era um pequeno Citroen C1 com pouco mais de quatro anos, com 60 mil quilómetros, estava na altura de fazer a quarta revisão de acordo com o manual de manutenção.
O motor é um produto da união Ford/PSA, o 1.4HDi (que também equipa o Peugeot 107 e o Toyota Aygo) que debita, nesta versão, 54cv às 4000rpm e tem um binário máximo de 130Nm às 1750rpm.
Segundo o manual, o tempo de espera para verter completamente o óleo deverá ser de, aproximadamente, 15 minutos, para ser franco, 15 minutos é o tempo que demora a fazer a revisão completa de filtros e óleo!

Para começar, há que levantar o carro, de preferência do lado esquerdo do mesmo, remover o plástico que cobre o cárter tirando quatro molas, estas são reutilizáveis, bastando apenas remover o centro das mesmas rodando-os de forma a que saiam, de seguida é desapertar o bojão e esperar... Enquanto se espera, podemos rentabilizar o tempo trocando o filtro do ar. Para tal basta remover o plástico que cobre o motor puxando-o para cima, desapertar três parafusos torque assinalados na foto (clicar para aumentar), levantar o plástico tendo em atenção que do lado contrário da caixa do filtro não há parafusos e apenas encaixes plásticos, e o filtro está o filtro exposto. Tirar o velho e colocar o novo no local, invertendo o processo. Tempo de trabalho... 5 minutos, se tanto! 

Por esta altura já a maior parte do óleo saiu, e pode tirar-se o filtro do óleo. Este é mais fácil de tirar do que à primeira vista o acesso indica, apenas é necessário remover o tubo que liga ao filtro de ar e desapertar com uma chave angular de preferência para facilitar, tirar o filtro usado e colocar o novo, voltar a apertar, colocar o tubo no local e... pronto! Mais cinco minutos. Por esta altura já o óleo deverá ter escorrido, apertar o bujão (colocando uma anilha nova!), meter o óleo a nível (3.75 litros de óleo 10W40 semi-sintético ou 5W30 sintético), e seguir até à próxima revisão por volta dos 75832km.
Enviar um comentário